Pedra na Vesícula: conheça a doença e saiba como tratar!

Escrito por Dr. André Medeiros

27 de novembro de 2019

Você certamente já deve ter ouvido falar de alguém que sofreu de “Pedra na vesícula”. Porém, não são todos que sabem responder o que realmente caracteriza essa doença. Venha conhecer um pouco mais sobre esse problema que aflige milhões de brasileiros e saiba como tratá-lo!

 

O que é a Pedra na Vesícula?

Como o próprio nome já diz, esse quadro é caracterizado pela formação de pequenas pedras na Vesícula Biliar do paciente. Esse órgão fica localizado no lobo inferior direito do fígado e é onde a famosa bile se concentra.

A bile é uma formação de diferentes substâncias absorvidas pelo fígado. Dentre essas substâncias que a bile ajuda a absorver, está o temido colesterol.

 

Qual é a causa da Pedra na Vesícula?

Na grande maioria dos casos, o alto teor de colesterol absorvido pela bile é a causa da formação de um ou mais cálculos. Essas pedras podem ficar alojadas na própria vesícula ou até mesmo obstruir o fluxo da bile no seu caminho para o intestino delgado. Na grande maioria dos casos, o alto teor de colesterol absorvido pela bile é a causa da formação de um ou mais cálculos. Essas pedras podem ficar alojadas na própria vesícula ou até mesmo obstruir o fluxo da bile no seu caminho para o intestino delgado. 
Existem outros fatores que podem alterar a composição da bile e consequentemente causar a formação de cálculos, como:
● Comer alimentos gordurosos e pobres em fibras;
● Diabetes;
● Pressão alta (hipertensão);
● Vida sedentária;
● Predisposição genética;
● Obesidade;
● Fumo.

 

Quais os sintomas da Pedra na Vesícula?

Como todas as patologias, os sintomas podem variar de um paciente para outro. Em alguns casos, a Pedra na Vesícula pode até não apresentar sintomas. Porém, na maioria das vezes, os sintomas mais característicos da Perdra na Vesícula são dores intensas na parte superior direita da barriga e inchaço.

É comum que essa dor apareça por volta de meia hora após as refeições. Ela atinge diferentes graus de intensidade até desaparecer, por hora. Em alguns casos, ela é acompanhada por desagradáveis febres, náuseas e vômitos.

Qual o tratamento da Pedra na Vesícula?

O tratamento mais comum para Pedra na Vesícula pode ser feito com medicamentos que diluem o cálculo. Em casos mais graves, a cirurgia por laparoscopia é o tratamento mais indicado. Mas fique tranquilo pois ela requer poucos dias de internação.

É importante que você saiba que o tratamento para a Pedra na Vesícula começa com a prevenção. Para evitar a patologia, tenha uma dieta saudável, rica em fibras e com pouca gordura. Procure manter o peso, de preferência se exercitando com frequência, pois isso ajuda a controlar o nível do colesterol e previne a diabetes e a hipertensão.

Fique atento! Se você tem histórico familiar da doença, notifique o seu médico e faça exames periódicos.

Artigos Relacionados

Tudo o que você precisa saber sobre alergia alimentar

Tudo o que você precisa saber sobre alergia alimentar

Como o próprio nome já diz, alergia alimentar é uma reação do nosso sistema imunológico a um determinado tipo de alimento, ou seja, um alimento que geralmente é inofensivo para você pode causar alergia em outra pessoa. Só para se ter uma ideia, estima-se que entre 6%...

Dor forte e queimação no estômago? Pode ser uma úlcera gástrica!

Dor forte e queimação no estômago? Pode ser uma úlcera gástrica!

A Úlcera Gástrica, também conhecida como úlcera péptica ou úlcera no estômago, nada mais é do que uma lesão (ferida) na parede interna do estômago, geralmente, benigna, mas que, quando não tratada, pode se aprofundar para todas as camadas do órgão levando a...

Você sabe o que é diverticulite aguda?

Você sabe o que é diverticulite aguda?

A Diverticulite Aguda é uma doença causada pela inflamação dos divertículos, que são pequenas bolsas, do tamanho de uma ervilha, que se formam na parede do intestino grosso. COMO SE FORMAM OS DIVERTÍCULOS? A principal causa para a formação dos divertículos, é uma...